O sofrimento é crucial para um encontro com Deus, ensina pastor

Ninguém deseja sofrer, mas até o sofrimento possui suas vantagens quando se trata de aprendizado e maturidade espiritual, e isso o pastor Brian Johnson sabe muito bem, porque ele mesmo precisou passar por um período de escuridão para entender o quanto Deus é real em sua vida.

Brian Johnson é pastor da Igreja Bethel e fundador da Bethel Music, na Califórnia, Estados Unidos. Ele contou seu testemunho em um livro chamado “When God Becomes Real” (Quando Deus se torna real), onde relata como conseguiu superar a depressão e crises de ansiedade que lhe fizeram parar no hospital.

Segundo a Fox News, Brian revelou o quanto é importante assumir dificuldades e reconhecer quando estamos em sofrimento, ao invés de fingir e achar que é possível seguir mascarando a dor, enquanto ela apenas se acumula.

“Nossa cultura muitas vezes nos ensina a nos erguer em vez de admitirmos que estamos sofrendo ou sentindo qualquer dor”, disse Brian. “Fomos feitos para sentir a dor e trazê-la para o Pai”.

O próprio Cristo demonstrou isso, porque sempre que estava em sofrimento Ele se recolhia para orar a Deus. “Foi isso que Jesus fez. Ele sentiu a dor e colocou-a aos pés do Pai”, ressalta Brian.

Apesar de conhecer Deus através da Bíblia, ensinar sua Palavra e ter um relacionamento com Ele, o pastor admite que adquiriu verdadeira intimidade com o Senhor após chegar ao fundo do poço.

“Foi naquela escuridão que Deus se tornou real para mim. No meu caso, eu bati na parede. Fui colocado no hospital naquele dia, eu simplesmente não conseguia respirar, o emocional e o espiritual se tornaram físicos”, acrescenta Brian.

Por fim, o pastor disse que enxergar a Deus como única alternativa para a solução dos problemas é o grande diferencial, porque é nesse momento que o cristão percebe sua verdadeira dependência do Senhor.

“Considero um presente quando Deus se torna sua única opção. Há um ponto em todas as nossas vidas em que Deus se torna a única opção. É terrível, mas ao mesmo tempo a melhor coisa que já aconteceu comigo. Quando você se aproxima de Deus a partir da dor, você encontrará Deus tão claro quanto o dia”, conclui Brian.